Dica do dia: Os Benefícios da Couve

Olá pessoal!

Hoje é quinta-feira como vocês já estão acostumados dia de dica. Vamos falar dos vários benefícios da Couve, um produto muito presente no prato dos brasileiros principalmente acompanhando um belo feijão e uma feijoada!

Já sabia de alguns benefícios como cicatrizante estomacal, porque na minha época de gastrite nervosa nada melhor do que um suco de couve pra acalmar as dores. Mas pesquisando mais a fundo vi que tem muitos outros que vou contar aqui e agora! rs

A couve é uma hortaliça, ou como falamos uma verdura, que possui várias espécies mas nós conhecemos e encontramos com maior facilidade a couve manteiga.

Claro que todos estes benefícios da couve que vou explicar abaixo, são para ingestão da folha crua, como em saladas e sucos, como todos os outros alimentos depois de aquecido, processado perde bastante as suas funções.

Ela é rica em minerais como cálcio, ferro, fósforovitaminas A e vitaminas do complexo B e C. Como eu havia falado que ela é uma ótima cicatrizante é ótimo para combater problemas digestivos como problemas no fígado, cálculos renais, artrite, bronquite e úlceras gástricas.

Tem um alto teor de fibras, então ajuda a aliviar a prisão de ventre e por conta disso dá uma sensação de saciedade.  Além de ter baixíssimo, na verdade quase zero de teor calórico! Ótimo para dietas!

A couve é também rica em Cálcio e Magnésio (numa mesma proporção de cada), fazendo com que este alimento seja muito bom para aumentar a densidade óssea, ou seja, para quem tem problemas ósseos como osteoporose. Ela é melhor fonte de cálcio até mesmo que o leite de vaca que tomamos todos os dias. Isto porque para que o cálcio exerça a sua função de aumentar a massa óssea, ele precisa ter uma ligação com o magnésio para que isto aconteça.

Como o leite que tomamos hoje tem muito mais cálcio do que magnésio, ele acaba “roubando” magnésio do nosso organismo para poder agir e como a maior parte dele fica nos ossos, consumir mais cálcio do que magnésio resulta em maior perda de massa óssea.

Para as meninas que sofrem com a TPM ela é uma santa! Consumida em forma de suco auxilia na eliminação de líquidos e toxinas e o magnésio da couve é fundamental para a formação e o bom funcionamento dos nossos neurotransmissores, que são responsáveis por manter nosso bom humor! 

AÍ VAI UMA RECEITA DELICIOSA DE COUVE REFOGADA!

Ingredientes:

  • 5 Folhas de couve
  • 1 colher de sobremesa de alho picado
  • 1 colher de margarina
  • sal e pimenta à gosto

Lavar bem a couve, tirar a folha do caule (que é um pouco amargo) e cortar bem fininho. Em uma frigideira derreter a margarina, colocar a couve e o alho. Refogue tudo e aproveite!

 

Fontes: 

http://boaforma.abril.com.br/dieta/aliados-da-dieta/santa-couve-531606.shtml?

http://belezaesaude.com/couve/

http://www.i-legumes.com/couve_beneficios.html

http://papofeminino.uol.com.br/mulher/saude-e-bem-estar/descubra-os-beneficios-da-couve-manteiga/

http://www.remedio-caseiro.com/beneficios-da-couve/

 

Feijão

Outro dia estava aqui em casa fazendo feijão e por mais incrível que pareça lembrei que esse prato básico do nosso dia a dia, foi um dos maiores desafios culinários de quando vim morar sozinha (com o marido) a 7 anos atrás. Eu sempre cozinhei desde muito nova, adorava me aventurar na cozinha quando ainda morava com a minha avó, mas o feijão era algo do qual nunca tinha feito já que o dela era sensacional. Ai quando mudei para São Paulo com o marido, na época namorado, fui me aventurar e até pegar a prática e ficar do jeito que eu queria demorou um tanto.

E sei que assim como eu tive dificuldade, muita gente também tem, então eu resolvi postar uma receita aqui bem gostosa e fácil de fazer. Espero que gostem e que dê super certo.

Vamos lá?

feijão

 

Ingredientes

  • 2 xícaras de feijão
  • 1 cebola picada
  • 2 lingüiças calabresas do tipo fininha
  • 2 folhas de louro pequenas
  • 3 dentes de alho
  • um punhado de salsinha picada
  • 1 colher de sopa de vinagre
  • pimenta do reino a gosto
  • tabasco a gosto
  • sal a gosto

Separe o feijão, retire aqueles que estão murchos, quebrados e as pedrinhas. Se preferir na noite anterior coloque-o uma vasilha com água e deixe de molho até o dia seguinte. (isso não é uma regra, mas ajuda a amolecer o feijão e a cozinhar mais rápido)

Lave os grãos e coloque em uma panela de pressão com aproximadamente 4 xícaras de água, o ideal é que a água fique 2 dedos a cima do feijão. Coloque também as folhas de louro, a salsinha e os dentes de alho em rodelas.  Tampe a panela e deixe cozinhar, depois que abrir a pressão (quando começar o barulhinho) conte 20 minutos.

Depois que der o tempo desligue a panela e deixe sair a pressão, levante a tampinha com um garfo de maneira que faça uma alavanca para acelerar o processo.

Em uma frigideira coloque um filete de azeite, acrescente as cebolas e deixe dourar um pouco.

Corte a lingüiça em rodelas e coloque na frigideira, acrescente o vinagre para dar um gostinho.

Abra a panela de feijão e acenda o fogo novamente com a chama baixa para engrossar o caldo.  Com uma concha pegue um pouco dos grãos com quase nada de caldo e junte a frigideira, misture bem e com um garfo amasse os grãos e repita esse processo mais 3 vezes. Esse caldo que vai formar na frigideira ajuda a engrossar o feijão.

Junte o caldo na panela de pressão, misture tudo e tempero com o sal e as pimentas. Deixe cozinhar mais um pouco até o caldo engrossar um pouco mais.

Pronto feijão prontinho! Agora é só comer com um arroz bem gostoso! 

Bom apetite e aproveite essa delícia!!

 

 

Semana da culinária Mexicana: Frijoles

Mais um dos Dips que tanto adoramos da culinária mexicana! O Frijoles a maioria conhece com um dip de feijão que vem junto com os nachos quando vamos ao restaurante. Mas ele é muito mais versátil e combina com tudo! Aproveite o feriadão em SP e faça a noite mexicana com o pessoal!

Ingredientes:

  • 1 1/2 xícaras de feijão vermelho
  • 4 xícaras de água
  • 1/2 cebola picada
  • 1 dente de alho picado
  • 4 fatias de cheddar tipo lanche
  • sal e pimenta a gosto

Cozinhe o feijão em uma panela de pressão, por +/- 40 min. Sugiro que abra a panela na metade do tempo, para ver como ele está. Se ainda estiver duro tampe e cozinhe mais um pouco.

 Depois do feijão cozido deixe esfriar um pouco, quando ele estiver morno coloque em um processador até que forme uma pasta.

 Em uma frigideira grande e um pouco funda, doure a cebola e o alho. Coloque a pasta de feijão e mexa bem. Coloque o cheddar, para que ele derreta no meio do feijão, misture bem até que fique bem homogêneo.

 Acrescente o sal e a pimenta a gosto.

 E pronto, o frijoles pode ser servido com nachos, no meio do burrito, taco e até com a quesadilla

Semana da culinária mexicana: Chilli

Arriiiiiba!!

Semana pós feriado chegando, e para espantar a tristeza resolvemos fazer uma semana bem especial. A semana da culinária mexicana, aiii como amamos.

Hoje começamos com o chilli, um prato típico feito com carne, feijão e pimenta tipo chilli. Mas ao longo da semana, vamos passar todas as nossas receitas preferidas, como uma espécie de homenagem a essa culinária tão saborosa.

Uma curiosidade interessante, em 2010 a culinária mexicana foi inscrita pela UNESCO como Patrimônio Cultural Inatingível da Humanidade por ter práticas agrícolas e técnicas culinárias milenares. Interessante não?

Agora chega de história e vamos a receita?

Ingredientes

  • ½ xícara de feijão vermelho
  • 750g de carne moída
  • 5 linguiças calabresa do tipo fininha
  • 2 tabletes de caldo de carne (ou de legumes)
  • ½ cebola picada
  • 2 dentes de alho picado
  • 1 saquinho de molho de tomate pronto
  • pimenta tipo chilli a gosto
  • tabasco e sal a gosto
  • 3 fatias de cheddar tipo lanche
Cozinhar o feijão, a medida do feijão vermelho é diferente em relação ao feijão carioca, para 2 xícaras de feijão vai 6 xícaras de água . Ele demora +/- uns 40 min para cozinhar.
Para facilitar na hora do preparo, pique a cebola, o alho, a pimenta e reserve.
Corte a lingüiça em rodelas e coloque para dourar em uma frigideira média, assim que ela estiver dourada desligue o forno e reserve.
Em uma panela grande refogue a carne até que ela fique meio cozida, após esse ponto adicione a cebola e o alho e mexa bem até que tudo fique incorporado.
Adicione a linguiça e o feijão e misture. Junte também o caldo de carne, eu uso aquele de esfarelar. Misture o molho e as pimentas, caso seja necessário adicione também um pouco mais de sal.
Para servir derreta 3 fatias de cheddar tipo lanche, junto com um pouco de água, coloque em cima do chilli.
Você pode servir o chilli com nachos, colocar dentro do burrito ou dentro do taco.
Aproveite essa delícia, e ao longo da semana mostramos mais receitas mexicana!!