Spaghetti al Gorgonzola

Oi Amores,

Semana começando na correria e por isso venho com uma receita prática e rapidinho para aqueles momentos de fome!

Como uma boa descendente de italiano eu simplesmente AMO queijo, basicamente gosto de todos os tipos de queijo mas confesso que meu paladar puxa mais para os mais fortes. Até a adolescência mais ou menos eu era super fresca para comer, por isso tinha um certo preconceito com o gorgonzola (coitado!). Mas o tempo passou e eu descobri uma paixão louca por ele, se deixar como um pedaço por dia.

Ai para aqueles dias de correria em que estou com f0me e desejando algo diferente sempre aposto em uma massa alho e óleo, dessa vez não foi diferente mas o lindo gorgonzola deu o ar da graça.

Confira só essa delícia!

macarrao_gorgonzola

Ingredientes

  • 100g de spaghetti
  • 1 colher de sopa de manteiga
  • 1 colher de sopa de azeite extra virgem
  • 1 dente de alho picado
  • 50g de gorgonzola
  • 2 colheres de sopa de creme de leite
  • sal e pimenta do reino a gosto
  • parmesão ralado

Em uma panela média cozinhe a massa até que fique ao ponto. A dica aqui é salgar a água do macarrão com mais ou menos 2 colheres de sal.

Amasse o gorgonzola para fazer o molho, não precisa amassar bem o ideal é deixar uns pedacinhos mais grosseiros mesmo para dar textura na hora de comer.

Coloque o azeite e a manteiga para derreter em outra panela, e doure o alho.

Enquanto isso escorra a água do macarrão e reserve-o.

Com o alho dourado coloque a gorgonzola amassada e o creme de leite, acerte no sal e tempere com um pouco de pimenta.

Agora monte o prato com o Spaghetti e o molho em cima, finalize com o parmesão ralado e pronto.

Aproveite essa delícia!

Boa semana a todos!

Esse é só um jeito de fazer um molho de gorgonzola meio rústico ele fica mesmo mais empelotadinho principalmente como esfria, mas fica delicioso. Se quiser fazer o molho branco com gorgonzola, aquele que fica lisinho clique aqui para ver a receita.

 

Anúncios

Arroz de forno de Risotto

Oi amores, tudo bem?

Fim de ano é sempre uma correria e por esse motivo fiquei um pouco ausente por aqui, mas ja voltamos com tudo.

Enquanto estava pensando nas receitas de Natal que vamos dar aqui no blog, me veio um monte de lembranças boas e umas vontades de comer comida de vó. Mas depois do evento especial de ontem não resisti e quando voltei fiz uma das delícias que comia na infância.

Minha vó era daquelas que não desperdiçava nada, então vira e mexe ela pegava o arroz e mais algumas coisas que estavam na geladeira e fazia o arroz de forno que é uma das minhas comidas preferidas (tenho muitas). Ai ontem me deu aquela vontade de fazer o tal arroz de forno dela, mas só tinha uma sobra de risotto aqui em casa e acabei usando ele mesmo. Ficou delicioso e muito parecido com o dela!

A ideia do arroz de forno é reaproveitar as sobras que estão na geladeira, a receita que fiz foi com o que eu tinha aqui mas você pode fazer com o que tiver em casa!

Vamos a receita?

arroz_forno_risottoIngredientes

  • 1 xícara de risotto já cozinho (ou de qualquer arroz que tiver)
  • 1 ovo batido
  • 50g de salame
  • salsinha e cebolinha a quantidade que desejar
  • alho poró a gosto
  • 30g de provolone (umas 5 fatias)
  • pimenta do reino a gosto
  • sal caso seja necessário

Retire o arroz ou o risotto da geladeira e mexa ele um pouco para soltar as “bolotas”.

Acrescente o ovo batido e mexa até que o arroz fique amarelinho.

Pique a salsinha e a cebolinha bem pequenininhas e misture ao arroz.

Coloque o salame picado e misture mais um pouco.

Agora coloque o arroz em uma travessa pequena ou em ramekins, eu usei ramekins para ficar mais fofo e por ser mais pratico, no fundo da travessa coloque uma camada de arroz. Na sequencia coloque o queijo provolone e por cima coloque outra camada de arroz.

Cubra com o queijo para gratinar e leve ao forno pré aquecido a 200º, por aproximadamente 20 minutos.

Retire do forno e aproveite essa delícia!

 

Ah! O legal do arroz de forno é você usar a sua criatividade e colocar os ingredientes que quiser, a única coisa que ele precisa ter mesmo é o ovo e o queijo por cima. Eu costumo colocar pra cada xícara de arroz 1 ovo batido.

Então use a sua criatividade e bom apetite!

 

Torta de Massa “Podre”

Oi galerinha….. tava sumida mas voltei!!!

Com uma das receitas mais gostosas de fazer e comer! Pra quem curte literalmente colocar a mão na massa essa receita é ótima!

Sabe aquela torta tipo empadão com aquela massa que desmancha na boca. Essa é a famosa massa podre. E por que desse nome tão esquisito. Fiquei curiosa e fui dar uma pesquisada. Então encontrei o seguinte:” O podre , vem da textura delicada da massa que, não sendo manipulada com cuidado, vira farelo. Na culinária francesa, chama-se pâté brisée , quando ela é salgada (a massa podre) e pâté sucrée , quando doce.” (fonte: http://revistalingua.uol.com.br)

O recheio fiz de frango ao curry com legumes. Ficou simplesmente sensacional! Comeria várias ao mesmo tempo…hehehehe

Ingredientes:

Para a massa…

 

  • 1/2 kg de farinha de trigo
  • 200 g de margarina
  • 1 ovo
  • 1 colher (chá) de sal
  • 1/2 xícara (chá) de água (ou até pegar no ponto)

Coloque num recipiente a farinha, margarina, ovo e o sal. Misture bem e sove um pouco. Vá acrescentando a água até que fique uma massa lisa sem grudar na mão.

Para o recheio….

  • 250g de sassami (frango) em cubos
  • 1 cebola cortada em cubos
  • 2 dentes de alho picados
  • 1 xícara de folhas de espinafre
  • 1 xícara de milho verde
  • 1 cenoura em cubos
  • 10 vagens em cubos
  • 10 tomates cereja cortados ao meio
  • 1 colher de chá de curry
  • 1 colher de chá de amido de milho
  • 1 xícara de café de água
  • Sal e pimenta à gosto

Em uma panela refogue a cebola, o alho e o frango com cubos. Junte a cenoura e a vagem. Refogue mais. Acrescente o espinafre, milho, vagem, tomate, sal, pimenta e o curry. Misture na xícara a água com o amido de milho e junte à mistura da panela. Agora refogue até ficar grossinho o caldo.

Pronto. Abra a massa numa bancada polvilhada com farinha. Separe 2/3 da massa e coloque o fundo da forma (não deixe muito fina no fundo senão fica muito mole por causa do molho). Recheie com o refogado e cubra com o restante da massa.

Coloque no forno pré aquecido por 30 minutos ou até dourar. A dica é pincelar gema na torta para ficar douradinha.

Pronto! é só servir com uma salada ou o que preferir!

 

Pimentão de Halloween

Oi Amores!!

O Halloween está chegando e como vocês sabem adoramos datas comemorativas. Apesar de ser uma data com personagens assustadores, eu acho fofo demais as decorações que podem ser feitas. Inclusive tenho muita vontade de comprar aquelas abóboras gigantes e fazer carinha, encher a porta de teia de aranha e tudo o mais. Mas como não é possível fazer tudo isso, tenho o costume decorar os pratos para não passar em branco, nesse caso a carinha que era para ser feita na abóbora eu fiz no Pimentão Recheado, diz se não ficou uma graça?

Vamos a receita?

pimentao_carinha

Ingredientes

  • 2 pimentões amarelos
  • 250g de carne moída
  • 1 tomate italiano picadinho
  • 1/4 de xícara de água
  • ½ cebola picada
  • 1 dente de alho picado
  • 1 cenoura ralada
  • sal e pimenta a gosto
  • alface americana e tomatinho cereja a gosto

Primeiro colocamos o pimentão para cozinhar em uma panela com água, eu geralmente coloco a água até a metade da panela e mergulho o pimentão depois que a abrir a fervura. Deixo cozinhando por uns 5 minutos, para ele não amolecer demais. Depois dos 5 minutos retire o pimentão do fogo e deixe esfriar

Enquanto o pimentão cozinha vamos fazer a carne refogada em uma panela média.

Coloque a carne para dourar e quando ela estiver mais rosada, acrescente a cebola e o alho. Mexa sem parar e quando a carne começar a ficar numa coloração mais puxada pro marrom, coloque o tomate picado e 1/4 de xícara de água tampe a panela e deixe o tomate amolecer bem. Se for necessário coloque mais um pouco de água, para ajudar nesse processo.

Por fim coloque a cenoura e sempre com o sal e a pimenta, se você quiser pode colocar outros temperos também.

Agora vamos montar o nosso prato.

Primeiro corte a tampa do pimentão, aquela parte que tem o caule.

Depois com uma faca pontuda faça 2 triângulos na parte de cima, para parecer os olhinhos. Dê o espaço de mais ou menos 1 dedo e  ½ de altura, e faça mini triângulos um ao lado do outro para formar a boca. (Siga o exemplo da foto acima)

Carinha pronta agora é só rechear e colocar a tampinha do pimentão em cima, para ficar a tampinha usei palito de dente.

Sirva o pimentão em pé para ficar mais bonitinho, se quiser pode fazer uma “caminha” de alface e tomatinhos para dar aquele colorido.

Bom apetite e um ótimo Halloween a todos!!

Risotto de Funghi com Carneiro Assado

Olá minha gente linda e cheirosa…hehehehe

Este final de semana estava inspirada na cozinha, fiz 1,2,3,4…5890 mil coisas. Entre elas vai a dica de hoje de como aproveitar as sobras de carne assada transformando num prato que parece ter sido feito na hora!

Outro dia estava assistindo o Que Marravilha! no GNT e estava passando uma receita de risoto de funghi com carne assada, mas não peguei o programa inteiro.

No final desta semana fiz para uns convidados um Carneiro Assado, e como é grande, claro que sobrou até que uma quantidade generosa. Aí lembrei deste programa e me inspirei!

Ah a flor da foto é comestível!

Ingredientes:

  • Sobras de Pernil de Cordeiro Assado desfiado
  • 1 xícara de arroz Carnerolli
  • 1 xícara de vinho tinto
  • 150g de funghi seco
  • 1 cebola em cubos
  • 2 dentes de alho picados
  • 1 colher de manteiga
  • 1/2 xícara de queijo parmesão ralado grosso
  • Sal, azeite e pimenta à gosto

Ferva 1 litro de água e deixe o funghi re-hidratar por 20 minutos (com fogo desligado). Esta água será usada para cozinhar o risoto. Passado este tempo, tire os funghis e corte em pedaços menores. Coe muito bem a água para que não fique nenhuma areia no risoto (o funghi vem com areias por ser retirado da terra), pode ser com um coador muito fino ou ou pano de prato.

Em uma panela refogue a cebola e depois o alho. Junte o arroz e depois o vinho. Quando começar a secar vá acrescentando a água do funghi até atingir a cocção (aprox. 20 minutos), sempre mexendo. Por fim junte o carneiro desfiado e quente (pode esquentar no micro), o funghi e o parmesão. Acerte no sal e pimenta1 Quando for servir coloque a colher de manteiga para dar aquela aveludada!

Agora é só servir! 

Bom Apetite e uma ótima semana!

Pernil de Cordeiro Assado

MELDELSSSS do CÉUUUUU!!.. a receita de hoje ficou espetacular!!!

Finalmente adquiri o meu forno próprio no sábado, então vocês imaginam que eu só tenho feito coisas de forno desde então né!!hehehe

E o pedido especial do marido era fazer um carneiro assado… mas nunca tinha feito antes então sempre fica aquele suspense né!…

Olha digo à vocês que ficou muito bom mesmo…. comemos quase todo o pernil!!

O melhor de tudo é que não suja nada né e é fácil de fazer.

Ingredientes:

  • 1 pernil de cordeiro
  • 1 xícara de vinho tinto seco
  • 3 ramos de alecrim
  • 4 folhas de louro
  • 5 batatas pequenas
  • 1 maço de cebolinha
  • 4 colheres de sopa de alho picado
  • Sal, pimenta e azeite à gosto

No dia anterior de assar o carneiro vamos deixar ele marinando. Lave bem a peça e faça furos nela inteira com uma faca. Passar o alho no pernil, sal e pimenta. Espalhar o louro , o alecrim e a cebolinha no pernil e jogar por cima o vinho. Deixar marinando de um dia pro outro.

No dia seguinte, corte as batatas ao meio e coloque tudo dentro de um saco desses de assar no forno (coloque a parte mais gorda do pernil pra cima, não encostada na forma), fure o saco e apoie numa forma ou travessa e espalhe as batatas. Regue um pouco de azeite por cima. Agora é só deixar assar por umas 2 horas no forno até que fique bem molhinha. Tirar do saco e deixar dar uma tostadinha no forno.

Pronto! aí está um prato mais que especial pra servir com arroz, salada e o que mais quiser!

Arroz Carreteiro

Esse final de semana foi bem produtivo na cozinha de casa. Meu marido que adora quando vem essas inspirações e testes (quando dão certo né…hehehe).

Pra mim é um meio de relaxamento e acredito que muitos de vocês que acompanham nosso blog também seja!

A receita de hoje é um arroz carreteiro do meu modo né, claro, com meus toques. Porque falo isto, é que o arroz carreteiro original dos interiores de estrada faz-se somente com a carne seca de proteína, mas eu dei uma incrementada no prato e gostei. Espero que vocês também aprovem!

Ingredientes:

  • 1 xícara de arroz
  • 200g de carne seca desfiada e dessalgada
  • 1 linguiça calabresa cortada em cubos
  • 1/2 xícara de bacon cortado em cubos
  • 1 cebola pequena em cubos
  • 3 dentes de alho picados
  • cheiro verde
  • Sal e pimenta do reino à gosto

Claro que eu fiz na panela de barro, que pra mim fica bem mais gostoso. Na panela de barro refogue a cebola, a calabresa e o bacon até ficarem dourados. Acrescente o alho e doure mais um pouco. Coloque o arroz e misture bem. Acrescente a água (o dobro da quantidade de arroz) e uma pitadinha de sal, porque a calabresa e o bacon já são salgadinhos. Deixe secar e por fim misture o cheiro verde! Viu que simples?! Aproveite e faça num domingão em família, todo mundo vai gostar!